Publicidades
ATENÇÃO
As pessoas mostradas neste site são tratadas como suspeitas, sendo presumida sua inocência.
Conforme inciso LVII artigo 5º da constituição federal:
"Ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado da sentença penal condenatória".

Rondônia

Polícia Civil suspende greve e retorna as atividades em todo o Estado

Publicado em - 12/06/2013 - 21:26:57
214

A Polícia Civil (PC) de Rondônia retornou as atividades nesta terça-feira (11) após 26 dias de paralisação da categoria. De acordo com o presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia Civil de Rondônia (Sindepro), Alessandro Morey, a decisão foi votada e documentada em assembleia realizada na manhã desta terça.

 

A greve, anunciada em 16 de maio, tinha como pauta única a reivindicação pela modificação no Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR). Na época o presidente do Sindicato da PC (Sinsepol) Jales Moreira, disse que a expectativa era que mais de 2,5 mil policiais de todo o estado aderissem à greve e apenas 30% do efetivo continuaria atendendo a população.

 

Dia 21 de maio, a 2ª Câmara Especial do Tribunal de Justiça (TJ) de Rondônia concedeu liminar que determinou o retorno de 80% do efetivo dos servidores da Polícia Civil. A categoria, que na ocasião recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF), teve recurso negado e retornou às atividades.

 

“Com a liminar, a categoria já estava trabalhando normalmente. Agora, o governo decidiu negociar e vamos dar mais um voto de confiança”, diz Morey que ressalta que as faixas serão retiradas das sedes das delegacias de Rondônia.

Morey frisa que a greve foi suspensa devido às negociações. Uma reunião está agendada para o dia 19 deste mês no Tribunal de Justiça, às 10h (horário local).

Matéria: G1RO
Fotos: sinsepol

capa imagem 1

Veja também

Publicidades