Publicidades
ATENÇÃO
As pessoas mostradas neste site são tratadas como suspeitas, sendo presumida sua inocência.
Conforme inciso LVII artigo 5º da constituição federal:
"Ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado da sentença penal condenatória".

Ji-Paraná

Assaltante se atrapalha durante roubo e acaba atirando no comparsa, em Ji-Paraná

Publicado em - 30/09/2016 - 22:08:41
1065

Logo nas primeiras horas desta sexta-feira (30), dois indivíduos armados invadiram a residência de uma vendedora de semi-joias, no bairro Santiago, 1º Distrito de Ji-Paraná, e renderam uma mulher de 50 anos de idade, jogando-a no chão.

Em seguida, a dupla começou a espancar a vítima e quando um dos marginais desferiu uma coronhada na cabeça da vendedora, acabou disparando a arma acidentalmente, atingindo a perna do seu comparsa.

Mesmo ferido, o assaltante conseguiu levar o mostruário de joias e a quantia de R$ 800,00. Depois, fugiram da casa deixando a vítima caída no solo, bastante machucada.

A Polícia Militar foi acionada e a Guarnição composta pelo CB PM Wenderson e SD PM Carriel foi até ao local. Dentro da casa, os PM’s encontraram o cano da arma que foi usada pelos marginais municiada com um cartucho calibre deflagrado.

Minutos depois, o assaltante baleado foi levado para o hospital por um amigo. Ele foi identificado como Joan Carlos Rodrigues Spagnol, de 19 anos. Já o suposto amigo, “J. S. M.”, contou várias versões sobre os fatos e foi conduzido para a delegacia.

Joan Carlos confessou o roubo e delatou seus comparsas como sendo Wandersson Moreira Lemos da Silva, de 21 anos, apenado que está usando tornozeleira eletrônica e Joabe Rodrigues Spagnol, 22 anos, irmão do Joan.

De posse destas informações, os policiais foram até uma casa na Rua das Laranjeiras, no bairro São Bernado, e encontraram os outros bandidos.

Durante uma busca na residência, os PM’s encontraram um pé de maconha que estava sendo cultivado pelo Joabe.

Já na delegacia, a vítima reconheceu os suspeitos como sendo os autores do roubo e a pessoa de Joabe acabou confessando que atirou acidentalmente na perna do irmão. Ele contou detalhes do roubo e ainda revelou que jogou o resto da arma e os produtos roubados em um córrego, porém os objetos não foram encontrados pela polícia.

Matéria: comando190
Fotos: comando190

capa

Veja também

Publicidades