Publicidades
ATENÇÃO
As pessoas mostradas neste site são tratadas como suspeitas, sendo presumida sua inocência.
Conforme inciso LVII artigo 5º da constituição federal:
"Ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado da sentença penal condenatória".

Urupá

Em Urupá, com medo de ser linchado ladrão se entrega à polícia após roubar moto de mototáxi em Ouro Preto

Publicado em - 07/11/2016 - 19:23:38
7104

Mototaxistas de Ouro Preto do Oeste se mobilizaram para encontrar uma motocicleta Honda modelo CG 150 FAN, ano 2015, padronizada na cor amarela, furtada de um mototaxista do município no estacionamento de um salão de estética, na Avenida Duque de Caxias. O crime ocorreu no sábado (5) e o veículo foi recuperado no domingo, após fazerem uma investigação, os próprios mototaxistas localizaram o ladrão na cidade de Urupá, pilotando o veículo.

O jovem identificado por Dierce Santos, morador de Urupá, quando viu o grupo de mototaxistas de Ouro Preto chegando à cidade correu para o quartel da Polícia Militar (PM) e Delegacia de Polícia Civil daquela cidade e se entregou. No entanto, os mototaxistas ainda bateram no suspeito, antes dele se entregar para os policiais. Os policiais militares de Urupá foram surpreendidos com a aparição do indivíduo, e os mototaxistas fizeram pressão para que eles liberassem o jovem, alguns diziam que iam dar um “corretivo” nele, mas não foram atendidos.

Por pouco o ladrão não foi linchado na rua, já que a ação para encontrar a moto furtada reuniu em torno de 60 mototaxistas, e de 20 profissionais seguiram para Urupá para pegar o autor do furto, que estava oferecendo a moto por R$ 300,00 na cidade. 

Para chegar ao ladrão da moto, os mototaxistas fizeram uma vigília na cidade de Ouro Preto do Oeste desde o dia do furto, e um grupo chegou a ir ao distrito de Tarilândia na região de Jaru, atrás do criminoso. Entretanto, os mototaxistas descobriram o endereço de um dos jovens que furtou a moto, e a mãe dele deu uma pista importante que serviu para perceber o momento que eles deixaram a cidade e com destino a Urupá, distante a 65 quilômetros de Ouro Preto.

Ao chegar à cidade de Urupá, os mototaxistas se reuniram num posto de combustível, e num lance de sorte, avistaram o indivíduo sentado em cima da moto parada numa borracharia em frente ao posto. Quando percebeu a chegada dos mototaxistas à cidade, Dierce ligou a moto e seguiu direto para o quartel da cidade, que fica ao lado da delegacia, se entregou, e pediu para ser colocado numa cela.

Matéria: Rondoniagora
Fotos: urupa190

capa

Veja também

Publicidades